UMBANDA – “Luz Divina”

UMBANDA – “Luz Divina, constante e ininterrupta evolução!”

Definição da UMBANDA:

Origem: Dicionário Aurélio: Substantivo feminino. Bras.
Umbanda – Religião originada na assimilação de elementos cultuais afro-brasileiros pelo espiritismo  

Origem: Wikipédia, a enciclopédia livre.

A Umbanda é uma religião inserida na religiosidade cultural brasileira. A Umbanda é estruturada, moralmente, em 3 princípios: fraternidade, caridade e respeito ao próximo. Admite um deus gerador chamado (Zambi), que é o criador de tudo e todos. Seus adeptos (chamados também de “umbandistas” ou “filhos de fé”) cultuam divindades denominadas Orixás e reverenciam espíritos chamados Guias.

Sua orientação espiritual ou doutrinária é feita pelos Guias – espíritos que atuam na Umbanda sob uma determinada linha de trabalho que, por sua vez, está ligada diretamente a um determidado Orixá. Os guias têm sapiência e consciência da natureza humana e os atributos para que essa humanidade possa evoluir e seguir por um caminho melhor. Os guias se manifestam através da mediunidade dos médiuns, sendo a prática da incorporação a matriz do trabalho deles – ato pelo qual uma pessoa médium, inconsciente, consciente ou semi-consciente, permite que espíritos falem através de seu corpo físico e mental.

Um pouco de história, antes de falarmos da UMBANDA:

Quando os Portugueses chegaram ao Brasil, na época do descobrimento,ele jáestava habitado por nativos. Os portugueses, por imaginarem estar nas Índias, denominaram a estes aborígines de índios.

No começo a convivência era amistosa, depois o tempo e a convivência se encarregaram em mostrar aos habitantes de Pindorama (nome indígena do Brasil) que os homens brancos estavam ali por motivos pouco nobres. E eles são inescrupulosamente escravizados e forçados a trabalhar na lavoura. Reagem, resistem, e muitos são ceifados de suas vidas em nome da liberdade. Mais tarde, com a chegada dos primeiros negros escravos que, sob a força do chicote, são jogados também na lavoura. Igualmente os índios, sofreram toda espécie de castigos físicos e morais, e até a subtração da própria vida.

Além disso, muitas das crianças índias e negras, eram mortas, quando meninas (por não servirem para o trabalho pesado), quando doentes, através de torturas quando aprontavam suas “artes” e com isso perturbavam algum senhor. Algumas crianças brancas, acabavam sendo mortas também, vítimas da revolta de alguns índios e negros.

Desta forma, índios e negros, unidos pela dor, pelo sofrimento e pela ânsia de liberdade, desencarnavam e encarnavam em Terras Brasileiras. Ora laborando no plano astral, ora como encarnados, estes espíritos lutavam incessantemente para humanizar o coração do homem branco, e fazer com que seus irmãos de raça se livrassem do rancor, do ódio, e do sofrimento que lhes eram infligidos.

Juntando-se então os espíritos infantis, os dos negros e dos índios, acabaram formando o que hoje, chamamos de: Trilogia Carmática da Umbanda. Assim, hoje vemos esses espíritos trabalhando para reconduzir os algozes de outrora ao caminho de Deus.

A Umbanda é uma religião lindíssima, e de grande fundamento, baseada no culto aos Orixás e seus servidores: Crianças, Caboclos, Preto-velhos e Exus. Estes grupos de espíritos estão na Umbanda “organizados” em linhas: Caboclos, Preto-velhos, Crianças e Exus. Cada uma delas com funções, características e formas de trabalhar bem específicas, mas todas subordinadas as forças da natureza que os regem, os ORIXÁS.

Esta mistura de raças e culturas foram responsáveis por um forte sincretismo religioso, unificando mitologias a partir de semelhanças existentes entre santos católicos e orixás africanos, dando origem ao Umbandismo. Na verdade a Umbanda é bela exatamente pelo fato de ser mista como os brasileiros, por isso é uma religião totalmente brasileira.

A UMBANDA é o produto da evolução espiritual, como tudo no Cosmo. UMBANDA é religião! Com ela conseguimos nos religar com Deus, conseguimos tirar o véu que cobre nossa ignorância da presença de Deus em nosso íntimo, então podemos chamar nossa fé de Religião.  Ela cumpre a função religiosa de nos levar à reflexão sobre nossos atos, sobre a urgência de reformularmos nosso comportamento nos aproximando da prática do Amor de Deus. Sua bandeira branca é símbolo de paz, amor e união fraternal.

A Umbanda é uma religião monoteísta, Deus é o Ser Supremo, criador de todas as manifestações cósmicas. Presente em todos os momentos da sua criação, força motriz de todos os sistemas, a origem e causa de tudo o que existe, Ser Supremo que a Umbanda rende seu culto total, sob o nome de Zambi.

Portanto, a Umbanda é uma filosofia espiritualista que estuda, pesquisa, cultua, identifica e integra as Energias da Natureza, na Criatura humana. Tem como ideal a vivência do amor fraterno em todos os planos de evolução, principalmente na prática da caridade. A Umbanda Verdadeira, ciência pura, é a consciência cósmica de Deus-Natureza-Homem.

O umbandista vibra nas coisas da Natureza e do Universo. Todos os seus rituais são de exaltação à Natureza, da qual tira o material necessário à cura, seja de ordem material ou espiritual.

A prática do ritual destinado a estabelecer um vínculo mais estreito, través do mediunismo, entre os planos físico e astral, tendo como escopo principal, a orientação dos que se socorrem no campo da cura físico-etéreo-astral, desobsessão, pregação doutrinária e renovação moral dos seus seguidores, crença na imortalidade do espírito, obediência às Leis do Carma, Reencarnação e Evolução, além de consciente preparo individual para um despertamento espiritual.

Os seguidores da Umbanda verdadeira só praticam rituais de Magia Branca, ou seja, aqueles feitos para melhorar a vida de determinada pessoa, para praticar um bem, e nunca de prejudicar quem quer que seja.

.

Pesquisa:     Umbanda, meu caminho (Fanny Pitaki Cunico) e Apostila do Curso de Umbanda (Sociedade Espiritualista Mata Virgem)

5 responses to this post.

  1. Posted by luiz fernando on 29/06/2011 at 16:13

    parabéns pela sua matria mt boa mesma aqui quem fala é um ´´ogan“ da tenta de pai mario de ogum ,parabéns!

    Resposta

  2. Obrigada meu irmão. Espero postar aqui tudo que for possível para mostrar a força, a luz, a caridade e o amor que nossa religião inspira. Obrigada pelo incentivo.

    Resposta

  3. Boa Tarde, gostaria de saber informações, sobre a entidade Ciganinha das Almas! desde já agradeço!

    Resposta

    • Posted by vera lucia b.o.vale on 10/06/2013 at 12:27

      bom dia,fiquei muito feliz em saber que ainda posso ter esperança que a umbanda não acabou,gostaria de saber como faço para encontrar uma umbanda na regiao da zona leste são paulo sp

      Resposta

  4. Posted by Isis Sayao on 21/01/2014 at 0:55

    Tudo tão lindo por aqui………parabéns

    Resposta

Deixe uma resposta

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: